domingo, 21 de abril de 2013

O Despertar não É Algo Polido


O despertar não é algo polido, então, vocês também não devem ser. Esse é o subtítulo do show da vida na Terra. Sabiam disso? O despertar não é polido, mas ainda assim vocês tentam que seja. Vocês tentam ser muito polidos com relação a ele. Tão agradáveis: “Vou ser agradável no meu despertar.” Foda-se isso. Não funciona assim! Não funciona.

O despertar é rude! É rude. É rude. O despertar. O despertar é um demônio, um dragão que vocês criaram e disseram: “Me esmague.” Hum, é. E ele é. O despertar é muito, muito rude. Não tem habilidades sociais. Não tem nenhum senso de compaixão, além de talvez em seu nível mais profundo. Não tem sutileza. Não tem sofisticação nem elegância, como alguns de nós temos. Não tem humor, só quando sente que está espremendo vocês até o caroço. Bem-vindos ao Show do Despertar! Um patrocínio de... Saint Germain!

Então, minha pergunta é: Por que vocês tratam o seu despertar de maneira tão polida? Vocês deram autorização. De verdade, vocês deram. Vocês deram a esse despertar autorização pra chegar e destroçar vocês pedaço por pedaço, pensamento por pensamento, crença por crença. Vocês deram ao seu despertar – vocês deram a ele o direito de me trazer. O despertar não é polido, é? O despertar não é polido. Então, sinto muito. Eu ofendo alguns, mas vão me abraçar e me beijar no seu despertar, e, quando você chegar na sua iluminação e soberania total!

Saint Germain - Abril 2013