sábado, 12 de maio de 2012

Para Quem Gosta de Comprar Livros


Aí uma nova opção para aqueles que gostam de comprar livros de temas espirituais!

Gato Sabido: destaques da categoria Religião

As publicações sobre religião tem se tornado cada vez mais ampla. Alguns livros já são campeões de vendas em todo o Brasil e até já viraram filmes.

Unindo vocação e talento, o Padre Marcelo Rossi publicou o livro Ágape. O título é da editora Globo e é composto por orações e historias bíblicas. Padre Marcelo amplia nesta obra o real significado da palavra Ágape e a apresenta para os leitores. Este, tem sido um campeão de vendas, muito comentado entre os católicos. Para as crianças, com linguagem mais simplificada e com figuras, foi lançado o Agapinho.

Outra obra muito comentada e que já virou filme, é o Nosso Lar. Este conta como é a vida no mundo espiritual, psicografado por Chico Xavier.


Encontre esses e outros títulos na primeira loja de ebooks do país, a Gato Sabido. É possível encontrar lá os livros em formatos diferentes para tablets, smartphones etc. Clique aqui para saber mais

Durante a separação do corpo astral e do corpo mental denso, o indivíduo aprende a separar seus corpos espirituais do seu corpo físico através do exercício consciente, e transportar não só o seu espírito mas também a sua alma a todos aqueles lugares em que o seu corpo astral quiser ou precisar estar. A separação do corpo astral é diferente da viagem mental ou do estado de transe provocado pelo principio do Akasha.

Quando os corpos astral e mental são separados do corpo material denso, instala-se um estado que é chamado, na linguagem oculta, de “êxtase”. O indivíduo que domina verdadeiramente a manipulação das energias possui a habilidade de ir a todos os lugares com o seu corpo astral, mas na maioria dos casos ele poderá simplesmente fazê-lo através da viagem mental ou do estado de transe. Quando é separado do corpo físico mas continua ligado ao corpo mental, o corpo astral só é levado em conta para aqueles trabalhos que exigem uma ação mágica material. No trabalho de envio do corpo astral deverão ser tomados certos cuidados, pois ao contrário do que ocorre na viagem mental, neste caso ambos os elementos de ligação entre os corpos mental, astral e material, as assim chamadas matrizes mental e estral, são libertadas do corpo material, que permanece ligado aos corpos astral e mental só por um cordão vital muito fino, elástico, de cor prateada brilhante. Se uma pessoa estranha, magicamente instruída ou não, tocasse o corpo físico quando ele estivesse liberto dos corpos mental e astral, esse cordão tão fino se romperia e não haveria mais a possibilidade de religação desses dois corpos com o corpo material denso, o que teria como conseqüência a morte física.  Por isso, logo no início destes exercícios devemos ter todo o cuidado para que ninguém nos toque enquanto estivermos nesse estado.

O rompimento desse cordão tão fino deve-se ao fato do fluido eletromagnético de uma pessoa agir com muito mais força nesses casos, e o cordão vital, mesmo de um mago evoluído, não agüentar essa força.

Em um exame clinico um médico constataria simplesmente que alguém, morto dessa maneira, teria sofrido uma embolia ou um enfarte, eventualmente uma parada cardíaca. Quando em estado de êxtase, o corpo físico parece sofrer uma morte aparente, fica sem vida e sem sensações, a respiração é suspensa e o coração permanece quieto. A descrição da prática nos revelará explicações detalhadas. A morte aparente também é o surgimento do êxtase que, no entanto, pode ser conseqüência de um efeito patológico, explicado facilmente por qualquer conhecedor das leis espirituais.

Ainda teríamos de observar que, através da respiração normal, na qual os quatro elementos e o Akasha são conduzidos à corrente sanguínea, a matriz mental, portanto o meio de ligação entre os corpos mental e astral é mantida em contato, pois a experiência nos diz que sem respiração na há vida. Assim, o indivíduo poderá ver a relação entre a assimilação de nutrientes e a respiração; ao negligenciar uma ou outra em seu desenvolvimento espiritual, o ser sofrerá desarmonias, doenças, e outras perturbações. Muitas perturbações do espírito, da alma e também do corpo podem ser atribuídas a irregularidades e imprudências nesses dois fatores. Por isso nunca é demais voltarmos a chamar a atenção para a necessidade do desenvolvimento por igual do corpo, da alma e do espírito, que devem ser suficientemente harmônicos entre sí, forte e resistente, com um suprimento adequado de fluído eletromagnético (ou energia vital, ou prana, ou força OD, como queiram chamar...) obtido através de uma alimentação variada e rica em vitaminas, para que seja desenvolvida uma boa elasticidade da matriz astral, ele poderá sofrer danos em sua saúde durante os exercícios de desenvolvimento.

Muito há a ainda o que falar a este respeito, mas por hora isto é o suficiente.

Franz Bardon

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Dúvidas Espirituais - Por Geoffrey Hoppe


Temos muita coisa chegando até nós nestes dias. Há energias de outros reinos e dimensões fazendo seu caminho para a nossa realidade, para não mencionar as explosões solares e os movimentos celestes de nossas famílias angélicas.
Nossos aspectos estão cutucando e cutucando, e há grandes mudanças e oscilações na consciência de massa enquanto 2012 alcança um pleno balanço. Para coroar tudo há aqueles loucos, loucos sonhos.

Parece que estamos gerenciando tudo isso com um grau respeitável de graça.
Ao tomar algumas respirações profundas, entregando-se a um pedaço de chocolate e um ocasional copo de vinho tinto, somos capazes de lidar com praticamente qualquer coisa que chega ao nosso caminho.

Mas ...

Há sempre aquele mas.

Mas, o que parece estar nos despedaçando agora é a dúvida. DÚVIDA. Eu fico tão desgastado pela palavra que mal posso digitá-la. Eu sei que muitos outros Shaumbra em todo o mundo estão lutando com ela, mas também porque é um dos temas mais frequentes de discussão durante nossas viagens. A Dúvida. Esse monstro desmancha-prazeres de duas cabeças que se esconde em cada virada e curso no caminho.

A dúvida tem um jeito de se intrometer nesta nova e rápida mudança de energia

• Você tem um insight claro e poderoso... e, em seguida, um dia depois você Duvida de si mesmo.

• Algo muito bom acontece para você ... e então você Duvida de que você criou isso.

• Você se sente em uma energia magnífica, interdimensional e expansiva que o leva a um estado de êxtase ... e depois a Dúvida o puxa de volta para a limitada 3D.

• Você recebe uma mensagem muito clara de Saint Germain ou de um dos outros amigos angélicos. Você até mesmo a anota e promete nunca Duvidar do que você recebeu. Mas no dia seguinte, sob a influência da dúvida, você pensa em jogá-la fora.

• Você tem uma inspiração para uma nova criação que irradia de dentro de você. Sufocado com a Dúvida, você logo descarta toda a ideia como um pensamento saudoso.

Soa dolorosamente familiar? Vocês achavam que vocês eram os únicos a ter essas experiências? Nem um pouco. A Dúvida é tão epidêmica entre os Shaumbra que ela poderia ser rotulada de um vírus. Mas a questão é, por quê?

Eu escrevi algumas teorias outro dia, mas eu não acho que elas sejam muito boas. Então, eu chequei com Adamus, mas eu não tenho certeza de que eu estava sintonizado o suficiente para receber uma mensagem clara.

Brincadeirinha. Mas você vê como a Dúvida funciona?

A Dúvida vem da mente. É um cão de guarda que rosna que tem sido treinado para proteger e inibir. Seus primos são a Culpa e a Vergonha. Ela rapidamente afugenta o sol para longe de um glorioso dia, substituindo-o por melancolia e desespero.

A Dúvida habilmente evoca lembranças ruins de eventos do passado. É rápida para nos lembrar de incidentes negativos no passado, mas nunca, jamais, nos lembra de experiências positivas. Isso nos amedronta de sair "fora da caixa", por medo da rejeição, do ridículo, do fracasso e da dor. Ele age como uma barreira invisível, mas potencialmente letal em torno de nossos sonhos e aspirações. Ela sabe exatamente quando estamos chegando aos limites da nossa zona de conforto para que possa nos ameaçar de volta à submissão.
O que um Shaumbra faz com toda esta Dúvida?  É simples. Primeiro de tudo, reconheça que a sua Dúvida é apenas programação mental. É como uma televisão que é definida para só passar shows de horror e drama, você pode realmente sintonizar além de qualquer Dúvida em seus potenciais mais iluminados. A Dúvida chama o lado escuro do passado; você pode fazer uma escolha consciente de se imaginar dentro de realizadores potenciais do futuro. A Dúvida manipula seus velhos aspectos, mas você, como criador soberano, pode fazer uma respiração profunda e transmutar a Dúvida em pura energia para servir para o que você deseja criar e experienciar.

Não faz nenhum bem lutar com a Dúvida. Isso só alimenta o monstro. No momento que você tentar derrotar a Duvida você entra em uma briga mental. A Mente é o turfe da Dúvida, onde ela tem sido treinada e onde ela tem uma longa lista de sucessos. Você não pode usar a racionalização com a dúvida.  No momento em que você tenta aplicar a lógica aos seus Pensamentos Duvidosos você vai cair no jogo dela. Xeque-Mate, Dúvida.

Para estar livre da Dúvida é só se imaginar bem além dela. Sim, você vai ainda ouvi-la uivando ao fundo, tentando assustar você de volta para a submissão, mas o uivo eventualmente acabará por desaparecer em um distante murmurar, aquele que mal é uma distração enquanto você se arrisca em novas experiências de vida.

Sem dúvida, a Dúvida está muito presente agora porque estamos nos movendo além das nossas limitações. Estamos indo além da mente, em nossos potenciais divinos. Nós temos um profundo desejo de nos expandir fora da consciência de massa, da antiga programação da Atlântida, hipnoses sociais, aspectos feridos e das Normas.  Estamos comandando novas energias criativas em nossas vidas. Nós queremos cumprir a razão para a escolha de estar aqui nesta vida - nossa Soberania incorporada.

Então, querida Dúvida, você está por isto relegada ao passado. Você pode se espreitar no ferro velho de minha história esperando para jogar, mas você não vai me encontrar escolhendo através do meu velho lixo emocional. Eu escolho as novas fronteiras da minha consciência expansiva e dos meus novos potenciais. Você agora é simplesmente um fantasma impotente do passado.

Geoffrey Hoppe - Canalizador Oficial de Saint Germain - Denver - Colorado
Tradução : Silvia Tognato Magini 
Fonte: http://www.novasenergias.net/circulocarmesim/news/sn0512.html

Agroglifos, O Que Nos Ensinam?